domingo, 6 de abril de 2008

Espanhol....Diálogo, Criando um acróstico, Vocabulário

Espanhol

Nível fundamental

Diálogo

Objetivos
1) Refletir sobre o contexto em que as situações de fala se produzem;
2) Treinar o uso da língua espanhola numa situação dialogal.
Comentário
A princípio, este plano de aula é recomendável especialmente a salas de pré-adolescentes. Nada impede, porém, que alunos mais velhos tenham excelente rendimento com esse tópico.
Material
O texto Diálogo - Que tal aprender um pouco de espanhol com o Chaves? pode servir de base para a aula.
Estratégias
1) Inicialmente, conversar sobre a televisão e os programas de origem mexicana;
2) Deixar que os alunos se manifestem livremente;
3) Comentar as características do programa do Chavez, abordando também temas como dublagem, diferenças culturais e particularidades lingüísticas.
Atividades
1) Uma vez estabelecidas as bases do trabalho, fazer a leitura do texto indicado, junto com os alunos;
2) Dramatizar o diálogo do Chavez, chamando duplas para se apresentar na frente da classe;
3) Avaliar os pontos fortes e as dificuldades dos alunos na leitura do diálogo em língua espanhola, ressaltando nossas diferenças culturais e lingüísticas.
Sugestões
Podem ser gravados textos de programas mexicanos ou de outros países de língua espanhola para serem trazidos em sala. Podem ser realizadas atividades similares com outros programas.


Criando um acróstico

Objetivos
1) Fomentar a criatividade e a associação de idéias;
2) Sensibilizar para um trabalho com o texto poético;
3) Estimular a criação de textos poéticos.
Comentários
A atividade de criação de acrósticos é muito interessante para sensibilizar o aluno para as propriedades do texto poético, de forma lúdica e envolvente. Para desenvolver esta atividade, o professor necessitará de duas aulas. A execução da atividade é individual. A escolha do tema é livre e o docente poderá vinculá-lo a algum tema transversal ou projeto desenvolvido na escola. Como modelo, vamos utilizar o tema "mar".
Estratégias
1) Audição de trechos de cd com sons da natureza;
2) Projeção de um trecho do filme "O Carteiro e o Poeta" (em que o poeta declama a Mário o poema sobre o mar);
3) Escrever a palavra "mar" na lousa e solicitar que cada aluno faça uma livre associação com essa palavra, registrando no caderno as palavras ou sintagmas que lhe ocorrem;
4) Criar os acrósticos;
5) Fazer a revisão lingüística dos acrósticos.
Comentários
Em relação à revisão e à correção dos textos, caberá ao professor estabelecer os critérios adequados ao grupo com o qual está trabalhando. Alguns tópicos que podem ser avaliados são: coesão e coerência, emprego dos artigos definidos e indefinidos, uso dos adjetivos e assim por diante. As correções deverão ocorrer na aula subseqüente à atividade, na qual o docente faz um apanhado geral dos textos e levanta as inadequações comuns, apresentando-as aos estudantes sem nomear quem as cometeu. Finalmente, os textos reescritos podem ser digitados e tornados públicos, em forma de cartazes ou em blogs, por exemplo.



Vocabulário

Ponto de partida
Ver os vocabulários visuais (1) e (2) no site Educação.
Objetivos
1) Ampliar o vocabulário dos alunos;
2) Agilizar a fixação desse vocabulário.
Estratégias
1) Dividir a classe em grupos;
2) Selecionar, a partir dos interesses de cada grupo, os campos semânticos cujos vocábulos eles irão pesquisar, por exemplo, nome de ferramentas, de flores, de animais, de partes de um veículo ou de um microcomputador, de gêneros alimentícios, etc.;
3) Cada grupo deverá procurar de 10 a 20 imagens dos objetos cujos nomes em espanhol vão pesquisar em seguida.
Atividades
1) Uma vez encontrados imagens e vocábulos, os alunos podem confecionar cartazes com eles. Podem-se fazer cartazes com uma ou mais imagens, que depois poderão ser usados para decorar a sala de aula;
2) Cada integrande do grupo deve ler em voz alta as palavras que pesquisaram, procurando pronunciá-las corretamente.
3) Havendo possibilidade, em vez de cartazes, podem-se organizar um livro em que cada página contenha quatro imagens e seus respectivos nomes espanhóis. O livro pode ser dividido em capítulos, cujo número será o mesmo dos grupos que participaram do trabalho e dos campos semânticos por eles pesquisados.
Comentário
Atividade simples de se realizar, a organização de um vocabulário visual é muito eficiente para o conhecimento de novos vocábulos e sua fixação. Por um lado, reproduz o modo como aprendemos as palavras de nossa língua materna, pela associação imagem/vocábulo.
Por outro, a pesquisa das imagens e de seus nomes espanhóis exige um esforço intelectual dos alunos. De qualquer modo, o fato de estarem atuando em grupo, atenua esses esforço por torná-lo mais equilibrado e, simultaneamente, lúdico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário